Arquivos da categoria: Atitude

Presunção

Era uma vez um cão e sua dona. O cão era tão fiel que a mulher podia até sair e deixar seu bebê com ele, o que fazia com frequência para cuidar de outros assuntos. Ela sempre voltava e encontrava a criança em paz, muitas vezes dormindo profundamente com o cão fiel sempre ao seu lado. Alguns cães são realmente bastante protetores e este era o caso deste, mesmo sabendo que se trata de um animal irracional.

Certo dia algo diferente aconteceu. A mulher, como de costume, havia deixado o bebê nas “mãos” do seu cão e foi às compras, mas, quando voltava, ouviu a certa distância barulho de latidos e rosnar do seu cão. Correu até sua casa e se deparou com uma cena bastante desagradável, além de encontrar uma enorme bagunça em toda a casa, ao chegar no quarto viu o bercinho do bebê todo desmantelado, fraldas e roupas rasgadas e espalhadas pelo chão além de manchas de sangue por todos os lados, onde havia deixado a criança.

A mulher nesta hora perdeu completamente o controle e tomada de ira, começou a gritar o nome do cachorro quando de repente viu ele saindo de outro quarto, todo coberto de sangue, enquanto que lambia o sangue que saia da boca. Ela não teve dúvidas e partiu para cima do cão com o primeiro pedaço de pau que encontrou pela frente e bateu nele severamente, muitas vezes. O cão tentou fugir, tentou reagir, mas estava impotente diante da enorme fúria da mulher que acabou sendo implacável, terminando este embate apenas quando percebeu que o cão já não tinha mais vida.

A mulher exausta ajoelha e começa a chorar e a se culpar por ter confiado seu filho a este animal. Em meio aos prantos começou a vasculhar a bagunça da casa quando de repente começou a ouvir um choro de criança vindo do banheiro. Correu até o banheiro e encontrou a criança ali, dentro do box do banho. Feliz da vida pegou seu filho no colo e o abraçou ternamente. Nesta hora ambos choravam muito e, voltando ela para a sala, passou pelo quarto da onde havia saído o cão e percebeu nele muito sangue, verdadeiras poças de sangue. Entrou então neste quarto e vasculhando melhor a bagunça tomou um enorme susto quando se deparou com uma cobra gigantesca, com mais de 2 metros de comprimento, mas já sem vida e toda estraçalhada.

Nesta hora a mulher compreendeu melhor tudo o que havia acontecido. O cão na verdade lutou para proteger a criança da cobra e não deve ter lutado pouco, dada a enorme bagunça da casa. Analisando melhor a cena ela percebeu que ele havia, conseguido levar a criança em segurança para o banheiro, enquanto posteriormente encurralava a cobra noutro cômodo, num dos quartos, onde lutou bravamente com ela até que a cobra morresse, defendendo desta forma a vida do bebê que protegia.

Nesta hora a mulher perdeu suas forças e caiu em prantos sentindo um profundo arrependimento do que havia feito, pois nada mais poderia fazer para desfazer o dano que havia causado. Infelizmente no momento da fúria, ela analisou rapidamente os fatos, julgou erroneamente e culpando o cão por tudo e o acabou matando. Ato este que irá, com certeza, se arrepender pelo resto de sua vida.

Que lição nós tiramos desta estória?

Quantas vezes nós também julgamos rápido demais situações ou pessoas e quantas vezes até mesmo partimos para agressão com palavras e as vezes até mesmo com ações, antes de termos tido tempo de avaliar corretamente a pessoa ou a situação?

Isso é presunção. Uma palavra que significa acreditar demais nas suas próprias verdades, julgando pessoas e situações rapidamente a partir apenas de indícios, hipóteses ou aparências, não dando tempo para que se conheça melhor todos os fatos, não dando tempo para ouvir todos os lados da história de modo a conhecer a real situação.

Um pouco mais de paciência no concluir e no julgar pode reduzir drasticamente erros que as vezes podem nos acompanhar pelo resto da vida.

Da próxima vez que tiver vontade de concluir rapidamente sobre um assunto ou uma pessoa, lembre-se desta estória.

 

Minha TV Queimou: E agora?

Venho aqui agora contar uma história, verídica, que aconteceu comigo nesta semana.

Todos os fatos são 100% reais e fidedignos!

Domingo estava vendo TV quando de repente ela apagou por completo.

E agora, o que fazer?

O problema é que é uma TV de Plasma grande e não cabe no carro e ei já fiquei pensando: “Como vou levar isso pro conserto?”

Já percebi que teria que fazer um carreto para levar ela até o conserto e outro para retirá-la.

Bem, lá estava eu segunda-feira ligando para assistências técnicas em busca de uma solução.

Ai, descobri que algumas assistências técnicas buscam a TV, consertam e a trazem de volta.

Mas será que deveria confiar minha TV a uma assistência técnica que nem conheço?

Pegava o endereço delas, entrava no Google Street View para olhar a cara do estabelecimento e confesso que não me animava.

Até que liguei para uma assistência que disse que arrumava a TV em casa.

Aceitei

Puxa! Que boa notícia, excelente, afinal os técnicos viriam aqui e consertariam a TV aqui mesmo!

Passei direitinho o modelo da minha TV, bem como a descrição do problema e agendei então a visita do técnico para o outro dia.

No entanto, na segunda-feira ainda uma pessoa da assistência técnica me ligou:

– Alô. O Sr. Marcelo por favor!?

– Sou eu mesmo

– Olá seu Marcelo, aqui é da Assistência Técnica e gostaria apenas de confirmar a visita de amanhã.

– Sim, sim, está confirmado.

– Gostaria então de repassar com o Sr. o modelo da sua TV e o problema que o Sr. diz que está tendo….

– Isso mesmo, está correto, a TV é esta mesma e o problema é este mesmo (ela não ligava e ficava com o led vermelho piscando)

– Entendo. Então, gostaria de saber se eu já posso estar levando (ela falou isso mesmo, “estar levando”… rsrsrs) as placas para troca.

– Como assim? Mas você nem viu ainda a TV?

– Sim, eu sei, mas é que pelas características que o Sr. descreveu eu já sei qual é o problema.

– OK, ok. Tudo bem, você que sabe. Acho então que pode trazer as placas.

– Ok, vou pegar as placas na Samsung e já vou leva-las comigo mas preciso adiantar que este conserto sai por R$ 1.500,00

– Puxa! Você tá falando sério? R$ 1.500 !!!??? Bem…. mas e se o problema não for este?

– É que estamos acostumados e posso garantir que o problema é este mesmo, seu Marcelo. Então, o que faço?

– Bem, se você constatar que estas placas estão defeituosas e realmente precisar trocar, eu acho que eu não tenho saída, né? OK!

– Certo seu Marcelo, vou então pegar as placas e amanhã estaremos aí em seu apartamento.

– Ok, até logo.

– Até logo.

E assim terminou a segunda-feira.

Atrasaram um pouco na terça-feira, do horário combinado, mas chegaram, eram dois, a moça que me ligou e um rapaz.

A TV não estava ligada na tomada e eles nem a ligaram. Já a tiraram do suporte e a colocaram no chão com a frente para baixo.

Eu perguntei então:

– Ué, mas vocês não vão nem ligar a TV para ver o defeito?

– Não precisa não seu Marcelo, pode ficar tranquilo,  são as placas que já dissemos para o Sr. mesmo, pode ficar tranquilo.

Desparafusaram todos os parafusos e ai vi como a TV é por dentro, veja:

Estão vendo esta placa verde aqui do lado esquerdo, a maior? Então, desconectaram os cabos, soltaram os parafusos e trocaram esta placa.

E estão vendo a outra placa verde ali do lado direito?

Então, fizeram o mesmo com esta placa e também com estas outras 2 compridas que se conectam a ela.

Na verdade tiraram e trocaram 4 placas

Eu peguei as placas na mão, analisei-as e disse:

– Nossa, estas placas parecem estar perfeitas, sem defeito!!! Não tem nenhum circuito queimado, não tem nenhum componente queimado. Estas placas parecem estar boas!

– Não seu Marcelo, o Sr. não vai ver o defeito da placa. Ele é interno. O defeito não fica visível assim.

– Bem, pelo que eu saiba quando uma placa queima a gente vê. Ou a trilha do circuito está queimada ou então algum componente. Aqui parece estar tudo em ordem, nem trilhas queimadas, nem componentes queimados e nem queimado ela está cheirando.

– (rindo) imagina Sr. Marcelo, não é assim não. O Sr. vai ver como vai funcionar.

– Mas precisa trocar todas estas placasa mesmo? E se o problema for numa só?

– É que quando este problema acontece a gente já troca logo as duas porque a outra vai dar o mesmo problema, elas funcionam em conjunto.

Ai eu já comecei a perceber com quem eu estava falando.

Malaaaannndroooossss…..

Bem, comecei a pensar com meus botões, vamos ver se vai funcionar mesmo. Se funcionar é porque as placas estavam mesmo com defeitos. Ai vou pedir para substituírem uma e depois outra e ver se as duas estão queimadas ou se só uma estará queimada. Vamos ver, mas acho que estas placas estão boas. Bem, se estiverem boas, o defeito vai continuar. Assim sendo, não tenho com que me preocupar… vamos ver.

Terminaram a troca das placas, colocaram a TV de pé e ligaram (pela primeira vez)

E o defeito estava lá, igualzinho antes, e eu disse:

– Opa, ai está! O defeito é este, agora vocês estão vendo o defeito pela primeira vez. É este defeito mesmo. É… não funcionou trocar as placas. Eu disse que as minhas placas estavam boas.

Eles se entre olharam com aquela cara de bunda e olhar de: “E agora, o que a gente fala? O que a gente faz?”

Duas caras de bobos na minha frente!

Eles voltaram com a TV no chão e ficou aquele silêncio gigantesco, perturbador, constrangedor.

Percebi que eles não entendiam nada vezes nada de TV, não entendiam PORRA NENHUMA!

Bem, o cara olhou para a moça e meio sem saber o que fazer pegou um meeter da bolsa e olhando para a TV escolheu alguns pontos para colocar o meeter. Estava na cara que ele não entendia porra nenhuma. Rodou aquela rodinha, tac, tac, tac, tac… e lá estava ele medindo sei lá o que. Nem ele sabia o que estava medindo, era só uma cena para poder dizer o que disse na sequencia:

– É seu Marcelo, o problema é mais sério do que imaginávamos. Vamos ter que levar a TV para a assistência técnica.

Nesta hora eu pensei: E agora, o que eu digo? Os caras são dois picaretas. Eles não vão levar a minha TV! Mas se eu disser isso, eles vão ser brutos e estragar o que está bom… pensa Marcelo, pensa…. e eu disse:

– Ok, acho que não vai ter jeito mesmo. Tá bom! Mas vocês podem por favor voltar com as minhas placas, afinal, já sabemos que o problema não está nelas, certo?

– Sim, sim, lógico, vamos voltar com suas placas. É realmente o problema não está nelas.

E eles começam a trocar novamente as placas

– Então, eu acho que pelo sintoma o problema deve estar aqui nesta placa da fonte.

Ai eu disse:

– Ta com cara de problema de falha de alimentação do circuito, não acha?

– Não sei não seu Marcelo, agora qualquer coisa que eu disser será imaturo da minha parte. Temos mesmo que coloca-la lá na bancada da Assistência Técnica e submetê-la  a testes.

Ele estava tentando falar difícil e sendo, pela primeira vez, um pouco mais sensato.

Nesta hora eu comecei a olhar mais de perto a placa da fonte…. olhando, olhando….

– ACHEI! Achei o defeito! Olha, aqui está ele! É este componente que queimou! Parece um capacitor!

Estão vendo aqui um capacitor pretinho? Estourado? Do lado deste azulzinho, e as marcas de queimado na placa?

O cara olhou para o ponto da placa que eu apontei e disse:

– Nossa! Não é que seu Marcelo tem razão! Achou o defeito! É isso mesmo! O seu Marcelo é melhor técnico do que nós!

Pensei: Ah vá, sério? Não me diga!?

Mas não sei se ele estava ironizado ou tentando ser gentil e aliviar um pouco a vergonha toda que estava passando. O fato é que ele estava muito mal naquele momento, não tinha dado uma dentro até então.

Ai eu disse:

– Bem, mediante isso acho que não vai mais precisar levar a TV para a assistência técnica, certo? Vocês podem trazer e trocar esta placa aqui mesmo, correto?

– Sim, lógico! Agora não precisamos mais leva-la. Podemos trazer a placa e trocar.

– Ótimo! Quando vocês podem trazer? Pode ser amanhã?

– Pode sim, pode sim. Já pegamos esta placa hoje e a trazemos amanhã.

– Perfeito! Nem precisam fechar a TV, podem deixá-la assim mesmo, assim fica mais fácil para fazer o conserto amanhã.

– Ah, ótimo então! Bem, então está ok, voltamos amanhã.

– OK! Por favor, só me ligue para me dizer direitinho quanto vai sair esta placa, ok?

– Ok, pode deixar.

E foram embora

Bem, o que acham que eu fiz?

Desconectei os cabos desta placa da fonte, soltei os parafusos e fui para a Internet pesquisar quem vendia aquela placa.

Cai em algumas lojas da Santa Ifigênia e já sabendo mais ou menos onde ir, fui para lá.

Chegando lá, já logo achei uma loja que tinha a mesma placa, original, zero bala ao custo = R$ 350,00

Mas pensei: Vou tentar achar este componente e ver se consigo consertar esta, primeiro. Se não funcionar, volto e compro a placa, paciência.

Andei mais um pouquinho e entrei numa loja e perguntei se ele tinha o componente queimado.

Ele cutucou e tirou a proteção do transistor para tentar ler o modelo  e disse que eu tinha que trocar vários componentes, todos estes que estavam pretos, os capacitores, varistores e o transistor e que ele poderia fazer isso pra mim.

Olhei bem e achei que não precisava. Achei que os pretos ali eram apenas sujeiras do capacitor que queimou. Agradeci e fui embora.

Achei uma loja que tinha o componente queimado:

– Ah, que bom que vocês tem. Quanto sai este componente?

– R$ 1,00

– Puxa, que bom. Pode me dar 1 então.

– AH, se eu fosse o Sr. já trocaria os dois, porque este outro aqui pode estar avariado também

– Tá bom, tá bom, vou esbanjar e fazer este “super gasto”, pode me dar dois então. Quanto devo?

– R$ 2,00

rsrsrsrs (é verdade!!!)

Ai sai de lá e pensei: Que lindo, vai ser super fácil trocar estes dois componentes. Tenho ferro de solda e solda em casa e eles estão super facinhos de serem trocados. LINDO!

Mas pensei também: Puxa, estou aqui na Santa Ifigênia, cheio de lojas que fazem isso. Deixa eu ver quanto me cobrariam para trocar o componente.

Entrei numa loja e perguntei quanto o cara me cobraria pra trocar o componente, resposta: R$ 5,00. Tá bom, pode fazer o serviço!

E sai de lá já com os dois varistores trocados.

Vejam que bonitinho que ficaram, são estes dois azulzinhos ai

Paguei o estacionamento, R$ 11,00 e fui embora.

No caminho liguei para o técnico.

– Oi, é o Marcelo de hoje de manhã, então, já viu o preço da placa?

– Estou aqui agora mesmo seu Marcelo. Então, com a troca desta placa, este conserto vai sair por R$ 950,00.

– Puxa! Mas não tá muito caro?

– Não está não seu Marcelo, o preço é esse mesmo.

– Mas vocês iam me cobrar R$ 1.500 para trocar duas placas e agora vão cobrar R$ 950,00 para trocar apenas uma?

– Então seu Marcelo, é que esta placa é muito cara. Estou vendo aqui no distribuidor e ela está saindo R$ 600,00. O resto são das visitas e da mão de obra.

– Mas não tem jeito de consertar a placa que está lá? Não podemos apenas trocar o componente?

– Não seu Marcelo, não dá. Quando queima estraga tudo. Pode confiar, aquela placa está condenada.

– Sei, sei… ok. Deixa eu pensar um pouquinho? Eu volto com você, eu te ligo, ok?

– Tudo bem seu Marcelo. Vê direitinho ai o que o Sr. quer fazer e volta comigo.

– Ok, obrigado, até logo

– Até logo

Chegando em casa a noite coloquei a placa no lugar e liguei a TV

Tcham…

Tcham…

Tcham…

Tchaaaaam…

BINGO!

FUNCIONOU DE PRIMEIRA!

PERFEITO!

Muita alegria!
🙂

Fechei a TV colocando todos os parafusos e a coloquei no lugar.

Acabou! Tudo resolvido! TV consertada!

Valor do conserto:

R$ 1,00 do componente queimado

R$ 1,00 do componente que não estava queimado mas que foi trocado por segurança (embora que talvez nem precisasse trocar este)

R$ 5,00 da solda (eu mesmo poderia ter feito)

R$ 11,00 do estacionamento

R$ 7,00 de gasolina (mais ou menos)

TOTAL – R$ 25,00 !!!

Saber que eu escapei de ser enganado e que EU MESMO resolvi o problema: NÃO TEM PREÇO!

FIM

AH! Desculpe, tem mais um último acontecimento!

Na quarta-feira liguei para eles:

– Alô, aqui é o Marcelo, da TV de Plasma, tudo bem?

– Oi seu Marcelo, tudo bem sim. E ai, pensou direitinho? Vamos fazer o serviço?

– Então, pensei sim e não vou fazer não, me desculpe.

– Ah! Tudo bem, sem problemas!

– Mas não quer saber porque?

– Ah, sim, pode falar.

– Eu mesmo consertei. Fui na Santa Ifigênia e comprei o capacitor que me custou R$ 1,00! O problema era aquele mesmo, como eu havia apontado para vocês!

Silêncio do outro lado…. (acho que ela pensou, o que eu vou falar agora?) …. silêncio….

– Tudo bem então seu Marcelo, tudo bem.

– Bem, era isso. Queria apenas comunicar vocês.

– Ta bom então, tá bom então.

– Ok, até logo

– Até logo

Desliguei e disse:

CHUPA SEUS TÉCNICOS DE MERDA!!!

(agora é de verdade, acabou mesmo)

FIM

Moral da  História:

1) Consertar TV hoje em dia é MUIIIITO FÁCIL! Qualquer um conserta! Basta abrir a TV com cuidado, olhar com carinho as placas, detectar onde está o problema, retirar a placa com problema e se não quiser arrumar a placa, procure e troque-a na Santa Ifigência.

2) Cuidado com as assistências técnicas e desse pessoal que conserta TV, elas não vivem de querer concertar de fato, vivem de querer extorquir você. Apoiados na nossa ignorância sobre o assunto, eles mentem, enganam e agem desta forma que agiram comigo. Não quero generalizar mas, pelo que senti, a maioria deles são deste jeito, infelizmente.

Conversando depois com um deles, ouvi:

– É, não tem jeito, neste ramo só tem ladrão mesmo (palavras ditas por um que concerta TV). Eu mesmo faço isso algumas vezes. Mas não tem jeito, só assim para sobreviver.

É mole?
:-\

Então, MUITO CUIDADO!

BRASIL, JUNHO DE 2013, PASSEATAS, PROTESTOS, O QUE ESTÁ ACONTECENDO, O QUE FAZER E AS POSSÍVEIS CONSEQUÊNCIAS!

Já faz um bom tempo que estou para escrever, afinal, há muito o que dizer sobre tudo isso, mas acho que faltava um empurrão. Empurrão que eu recebi hoje.

Acabei de chegar de um evento do IEA da USP que tinha como objetivo tratar do assunto das manifestações nas ruas.

http://www.iea.usp.br/noticias/iea-debate-manifestacoes-nas-ruas

Lá estavam reunidos alguns da elite intelectual da Universidade de São Paulo.

Antes de cada um falar, eram gastos alguns bons segundos falando sobre o currículo de cada um, e não eram pequenos.

Você, então, a princípio, sente-se um privilegiado por estar no meio de pessoas tão eruditas e aparentemente capazes de compreender o cenário atual.

Bem, começam a falar…

Sinceram.ente, não ouvi praticamente nada de novo e, dessa laranja, que a princípio parecia ser tão suculenta, muito pouco suco saiu, e me decepcionei.

Tirando as boas e lúcidas palavras de alguns, como Alexey Magnavita, além da participação de um senhor via Internet (pois estava no Rio de Janeiro), um uruguaio que está no Brasil há mais de 50 anos, um representante dos jovens que estão nas ruas e algumas boas palavras de um ou outro, na essência, com todo respeito, achei um encontro vazio e sonso, principalmente por ser coordenado pelos Cientistas Sociais da USP.

Sem dúvida deixo aqui meus parabéns para os realizadores do encontro. Uma atitude sábia e correta diante da situação. Mas entendo que erraram feio em não chamar jovens engajados e que vivem tudo isso.

Infelizmente muitos se demonstraram totalmente perdidos, em ideias, em conclusões e perdidos até para articular melhor sobre o tema, mas sem deixar de se autodenominar a elite intelectual das Ciências Sociais.

Não foi incomum relatarem fatos da história longínqua, traçando paralelos com este e aquele movimento, mas o fato é que a grande maioria ali estava totalmente perdida e, por mais que desejassem, não entendi que conseguiram fazer nenhum link razoável com qualquer fato histórico passado.

Mas por que estes homens de cabelos brancos, muitos tidos como intelectuais, estão tão perdidos?

Infelizmente, diferentemente de qualquer outro momento histórico da humanidade, parece que a lucidez, hoje, é inversamente proporcional ao número de cabelos brancos que uma pessoa tem na cabeça. Lógico que isso é apenas uma generalização. Há muitos de cabelos brancos bem lúcidos.

Mas infelizmente parece que quanto mais cabelos brancos na cabeça, menos uso de Internet e de mídias sociais, mais deboche destas ferramentas e menor percepção do mundo atual e como elas estão mudando e moldando nosso mundo.

Pasmem: não ouvi ninguém falar neste encontro sobre Internet e mídias sociais!

É por isso que não estão compreendendo nada. Porque o que está acontecendo não está em nenhum livro de história e não tem nenhum paralelo direto com nada que já aconteceu em algum passado longínquo, mas talvez uma análise de um passado bem recente, de apenas alguns anos atrás e do presente, ajudaria.

Hoje em dia, os ditos cientistas sociais precisariam viver dentro do Facebook, do Twitter, do YouTube, do Instagram , nos Blogs, etc. Afinal, estes são os fornos que moldam a nova sociedade.

Pensei até na hipótese de mudarem o nome da IEA – Instituto de Estudos Avançados para IEP – Instituto de Estudos do Passado.
:-p

Todos muito eruditos, sem dúvida, mas uma pena que esta “elite” do pensamento da USP esteja tão desatualizada e nitidamente longe dos meios que moldam nossa realidade (com algumas exceções).

Convido você a visitar a página e assistir ao vídeo para compreender melhor o que estou dizendo.
http://goo.gl/dkCax

Frustrações à parte e parte da minha catarse realizada, acho que já consigo agora falar um pouco sobre o tema que proponho: O QUE ESTÁ ACONTECENDO!

Bem, é relativamente simples compreender o que está acontecendo com o nosso Brasil. Mas para isso vou utilizar alguns exemplos e paralelos para ajudar a compreensão.

Todos nós conhecemos uma panela de pressão e sabemos como ela funciona. Uma panela praticamente hermeticamente fechada que, levada ao fogo, começa a aquecer os ingredientes que nela se encontram. O aquecimento expande estes ingredientes e libera gases que, não tendo por onde sair, acabam criando uma pressão interna. Com a pressão e a continuidade do aquecimento, a expansão e a liberação de gases continua e se acelera, e a pressão interna vai aumentando cada vez mais. Como esse processo é continuo e até mesmo retroalimentado, por que a panela não explode? Porque há uma válvula que permite que essa pressão escape, uma válvula que dá vasão a parte dessa pressão. Se não houvesse essa válvula, a panela com certeza explodiria, como sabemos que muitas já explodiram por defeitos nesta valiosa, fundamental e preciosa válvula de escape.

Bem, com esta ilustração em mente, vamos agora falar do Brasil.

Depois das “Diretas Já”, o Brasil sempre teve uma válvula de escape, e ela se chama PT. O PT, quando atuava como oposição, agia como porta-voz do povo. Através do PT, o povo se sentia representado. Isso sem dúvida funcionava como válvula de escape, dava vazão a muitas coisas e diminuía a “pressão interna”.  Ou seja, vemos aqui uma panela de pressão sem válvula.

Some-se a isso outro fator que precisa ser levado em consideração que é a ampla forma de tomarmos contato com a informação que temos hoje. Além da televisão abranger mais lares e de haver muito mais canais que informam, temos também o enorme poder disseminador de informação que é a Internet e os inúmeros meios digitais pelos quais as notícias chegam. Através de telefones celulares, que fazem muito mais coisas do que apenas ligar, tablets, computadores e outros dispositivos até mesmo em elevadores, hoje a informação é amplamente disseminada, e povo acaba sendo informado muito rapidamente dos fatos e acontecimentos, de uma forma como nunca aconteceu. Com tudo isso, muito menos coisas passam despercebidas atualmente. Entendo que podemos comparar isso ao fogo da nossa ilustração. A ampla forma de comunicação esquenta nossa panela de pressão.

Por fim, some-se a isso também toda a forma corrupta de atuação dos nossos governantes, todo o descaso deles com o povo, todos os desvios de dinheiro público, os escândalos do mensalão, dentre outros, o empossamento de pessoas claramente corruptas para cargos de liderança nacional, enormes quantias de dinheiro sendo gastas em estádios, enquanto que a educação, a saúde e a segurança sofrem, mencionando apenas os casos já mais conhecidos, enquanto o povo vive esmagado em transportes de baixíssima qualidade, mal atendido na saúde, via os governantes ganhando cada vez mais, aumentando seus salários e, para espanto nacional, tentando até mesmo mudar as leis de forma a não serem punidos por seus erros. Em minha ilustração, considero o poder político como os ingredientes, que por estarem podres e em estado de decomposição, liberam ainda mais gases, aumentando enormemente a pressão interna de nossa panela.

Temos então uma panela de pressão com ingredientes podres, sendo superaquecida pelos meios de comunicação e sem válvula de escape. O que será que vai acontecer?

Faço minhas as palavras de um dos lúcidos palestrantes de hoje: fico espantado com o espanto de todos quanto aos acontecimentos! Sim, pois era óbvio e notório que isso iria acontecer.

Mas e os vinte centavos, onde entram na história?

Valendo-me de outra ilustração, imagine uma bexiga parcialmente cheia. E imagine você puxando essa bexiga pela sua casa, arrastando-a pelo chão enquanto você anda. Ela bate nos móveis, nos objetos e não estoura porque está apenas parcialmente cheia.

Mas agora imagine-a cheia, muito cheia mesmo, tal qual nossa panela de pressão. Agora ande com esta bexiga muito, muito cheia pela casa, arrastando-a pelo chão e deixando-a bater na quina dos móveis e dos objetos. O que vai acontecer?

Sim, ela vai estourar!

Talvez tenha estourado porque bateu na quina da mesa, mas se não fosse a quina da mesa, seria o enfeite, seria a quina de outro móvel ou qualquer coisa que propiciasse o estouro.

Portanto, os vinte centavos foram, sim, o detonador do estado atual, mas essa “quina” só estourou a “bexiga” porque ela estava muito cheia, a ponto de explodir, tal qual a panela de pressão.

Há de se ressaltar fortemente dois fatores recentes que alteraram muito o mundo em que vivemos: a enorme capacidade de capturar os fatos com fotos e vídeos graças aos nossos supercelulares e a forma extremamente rápida de divulgação que a Internet e as mídias sociais possibilitam.

Considero isso como se várias chamas estivessem aquecendo aquela nossa panela de pressão e precipitando tudo com uma velocidade gigantesca. Sobre este ponto, há de se analisar os movimentos “de manada” que a Internet propicia.

Eu poderia mencionar vários casos dos últimos 18 anos de Internet, mas vou me focar em apenas alguns mais significativos. Vimos em 1996 a rápida ascensão da Netscape, mas já logo no ano seguinte a tomada deste mercado pela Microsoft com o Internet Explorer. Vimos depois o Yahoo despontar como líder dos buscadores, mas também, da mesma forma, perder totalmente seu posto para o recém-nascido Google. Mais recentemente, vimos o nascimento e crescimento do Orkut, mas, da mesma forma, a migração em massa para o Facebook, enquanto o Twitter e o YouTube, paralelamente, também se consolidam como instrumentos de massa.

O ponto que quero dizer é que a Internet propicia o efeito manada e também o efeito agregador.

Estamos vendo agora esses efeitos acontecerem exatamente neste momento! As lideranças do Movimento Passe Livre utilizaram estas ferramentas e conseguiram organizar seus movimentos por meio das mídias sociais.

Ao irem às ruas, conseguiram a adesão de muitos outros, já insatisfeitos com a situação, que engrossaram o caldo. Não sendo compreendidos e tendo seus direitos desrespeitados, sofrendo ataques físicos amplamente fotografados, filmados e disseminados pela Internet e pelas mídias sociais, acabaram por sensibilizar ainda mais uma população já cansada dos governantes e que, não tendo uma válvula de escape, sentia-se oprimida, esmagada.

Como uma pequena rachadura num dique, num reservatório de água, que é suficiente para abalar toda a estrutura, as primeiras tentativas de dissipar e desmoralizar a manifestação tiveram efeito contrário e serviram apenas para pressionar ainda mais um povo já oprimido. A estrutura não resistiu e uma avalanche de pessoas veio às ruas, expondo todas as mazelas dos nossos governantes e fazendo inúmeras reivindicações lícitas e corretas.

E o Brasil inteiro acordou!

Bem, mas e agora? O que fazer diante desse caos?

Nossos líderes talvez estejam procurando a liderança política deste movimento para negociar (comprar), mas eles têm que perceber que não há uma liderança política, há apenas a quina do móvel que estourou a bexiga (os vinte centavos) que foi o Movimento Passe Livre. Mas agora, a bexiga já estourou e o povo todo está nas ruas. Ou seja, eles terão que negociar sim, mas com 200 milhões de brasileiros, e não mais com um ou meia dúzia, como o Sr. Luiz Inácio Lula da Silva está acostumado a fazer.

Além disso, também devem estar procurando qual meio de comunicação devem aliciar ou chantagear, de modo a manobrar todo esse povo, como costumeiramente sempre fizeram. O fato é que agora não há uma emissora capaz de manobrar o povo, pois o grande alimentador de informação é a Internet e as mídias sociais. A Globo pode até cobrir, mas quem está formando mesmo a opinião são as mídias sociais na Internet.

Esse é um quadro totalmente novo com que, acredito, nenhum intelectual social ou político está preparado para lidar!

Mas o povo está inquieto, impaciente. Como acalmar o povo para que os governantes e as estruturas não desapareçam? Afinal, o povo descontente do jeito que está poderá, sim, destruir a estrutura toda e acabar com os governantes e com o estado.

Não podemos esquecer que precisamos deles, dos governantes e da estrutura de estado, para que as melhorias ocorram e não nos encontremos numa situação ainda pior do que a atual.

O que fazer, então?

Bem, a meu ver, o que deve ser feito agora é que nossos governantes primeiramente compreendam claramente porque tudo isso aconteceu. Eles precisam se conscientizar de que o povo não é mais desinformado e facilmente manipulado, está vendo o que eles estão fazendo e o que não estão fazendo, e não podem mais agir com a imprudência e com a falta de respeito para com o povo e o dinheiro público, como sempre fizeram.

Não se deve esquecer também que o tal “efeito manada” serve para os dois lados e, ao mesmo tempo em que por um lado ele inflama, ele tem também o poder de esfriar, mas desde que utilizado corretamente.

Portanto, nossos governantes precisam mudar definitivamente sua forma de agir e enxergar que não há mais espaço para coisas como a PEC 37 e os conchavos políticos que colocaram e mantém o Renan Calheiros no poder, por exemplo. Nossos governantes precisam acordar também e perceber que aquele mundo em que eles viveram até a semana passada ACABOU! Se eles não se conscientizarem disso RÁPIDO, e continuarem com posturas inadequadas, tudo pode realmente ruir, sem contar que eles poderão desaparecer de vez da face da Terra.

Os ingredientes PRECISAM PARAR DE EXALAR MAL ODORES!

Esta é o primeiro passo que precisa acontecer: A CONSCIENTIZAÇÃO DO NOVO MOMENTO POR PARTE DOS NOSSOS GOVERNANTES!

Se isso acontecer, entendo que o próximo passo é produzir AÇÕES QUE DEMONSTREM ISSO!

Quais?

Sabemos claramente que uma das principais reivindicações do povo é justiça e podemos compreender como justiça, por exemplo, colocar quem rouba na cadeia, certo?

Podemos entender também como justiça a aplicação correta do dinheiro público. Podemos entender também como justiça não se preocupar em ser julgado. Podemos entender também como justiça agir com transparência, dentre outras coisas.

Entendo, então, que se nossos governantes realmente tiverem se conscientizado do novo momento, o próximo passo seria agir em harmonia com o novo momento, com energia e com ações como:

– Acabar em definitivo com a tal PEC 37;

– Retirar o Renan Calheiros da Presidência do Senado (e, por que não, aproveitar e retirar também o Marco Feliciano da comissão dos Direitos Humanos);

– Colocar os mensaleiros atrás das grades.

Entendo que se apenas estas três ou quatro atitudes forem tomadas, O POVO ACALMARÁ MUITO! E o efeito-manada acontecerá igualmente, só que desta vez tirando o povo das ruas e dando aos nossos governantes UM VOTO DE CONFIANÇA!

Não há omeletes sem quebrar ovos, portanto, sabendo disso, que se quebrem logo os ovos! Aí, com a paz relativamente reconquistada, podemos continuar com nossas reinvindicações e continuando a limpar o nosso Brasil.

Mas há de ficar muito claro para nossos governantes que o Brasil nunca mais será o mesmo e que se daqui pra frente não agirem com transparência, zelo com o dinheiro público e dignidade para com a nação, tudo acontecerá novamente, só que dessa vez não terão mais nenhum voto de confiança.

Se isso acontecer, quero crer que teremos dado início a um novo Brasil e a Copa poderá até acontecer. Mas se isso não acontecer, não acho que o povo irá se acalmar e também acho que o povo desejará quebrar os ovos com as próprias mãos e aí poderá acabar quebrando toda a cozinha.

Sim, pois duvido que o povo perceba o que realmente signifique estar à beira de uma guerra civil, com a possível dizimação dos governantes, do estado e com o caos instaurado. E, pior, estamos totalmente sem liderança! Esse cenário poderá significar um momento realmente muito triste para a nação, colocando tudo a perder.

Algo parecido aconteceu na Espanha recentemente, onde um governo ultraliberal assumiu o poder após revoltas populares e jogou o país na merda, deixando a Espanha com altos índices de desemprego. Só que com uma grande diferença: não temos uma União Europeia com Alemanha e França para pagar nossas contas. Aqui o risco Brasil explodiria, juntamente com o dólar e a volta da inflação, e estaríamos em condições ainda piores do que as de hoje.

Por isso, ambos os lados precisam tomar muito cuidado!

Concluindo, o cenário é realmente muito crítico e delicado. De um lado temos um povo oprimido, gritando por dias melhores e aparentemente buscando isso a qualquer custo; do outro, temos governantes totalmente despreparados para suas posições, que só souberam promover seus próprios interesses.

Aí estão minhas opiniões sobre o que está acontecendo e o porquê de estarmos aqui, bem como também o que eu acho que pode ser feito para amenizar os ânimos e as possíveis consequências.

Mas fato é que realmente não sabemos como será o amanhã, pois ele depende totalmente de como cada um dos lados agirá.

 

Tributo a Steve Jobs

Morreu a pouco, de um câncer de pâncreas, um dos maiores seres humanos que a humanidade já teve, Steve Jobs.

Steve Jobs nasceu em 24 de fevereiro de 1955 e, aos 56 anos, deixa sua esposa Laurene Powell Jobs e quatro filhos.

Abaixo a página da Apple (www.apple.com) neste momento neste momento: 05/Out/2011 às 9:30 PM

O interessante é que desta vez não estamos falando de um grande líder político ou de um grande líder espiritual, mas de alguém que através de seu gênio criativo e do seu empreendedorismo alterou significativamente a nossa forma de viver e por isso merece ser reconhecido.

E eu nem preciso me referir ao fato dele ter feito a empresa que neste momento é a mais valiosa do mundo (US$ 350 Bi), nem mesmo ao fato dele ter criado o iPad, o iPhone ou o iPod, ou mesmo a Pixar e todo o impacto que todas estas criações causaram nas indústrias do cinema, da música e da telefonia móvel e o quanto tudo isso mudou o nosso mundo, as nossas realidades e impactou as nossas vidas.

Mas eu quero voltar um pouco mais no tempo, e lembrar a todos o que na minha opinião foi a sua principal criação, o Computador Pessoal, que nos foi oferecido em 1976 com o surgimento da Apple.

Neste momento Jobs não criava apenas a Apple, mas criava toda uma indústria, que seria muito mais importante do que qualquer um poderia imaginar naquele momento, a indústria dos micro computadores e da micro informática.

Aqui ele já demonstrava o grande visionário que era, o empreendedor, o gênio, vislumbrando um mundo novo, numa época em havia o forte domínio da IBM.

Sem dúvida esta foi a sua maior criação, sua maior colaboração para a humanidade, pois todos sabemos como a micro informática alterou a nossa realidade e o nosso mundo.

Graças a micro informática outras indústrias surgiram e nasceram, graças a micro informática fortunas foram feitas como a de Bill Gates da Microsoft por exemplo, toda a indústria de software e hardware e todos os seus derivados.

E como se não bastasse, foi ele quem mostrou ao mundo a navegação em janelas e o mouse. Inventos que não foram dele, mas que estavam jogados para escanteio e desvalorizados. Graças à mente visionária de Steve Jobs que eles ganharam visibilidade e foi por suas mãos que o mundo os conheceu. Veja esta apresentação de 1984. Steve já era um grande apresentador e já deixava multidões em frenesi com seus lançamentos:

E muito embora seja fato que a Internet surgiu bem antes da Apple, mas se não fosse Jobs a Internet provavelmente estaria ainda limitada aos militares e às instituições acadêmicas e muito sem graça.

Foi graças a micro informática que nasceu a World Wide Web e a Internet de hoje, que só foi possível graças ao micro computador, às janelas do Macintosh e ao mouse que Steve Jobs trouxe para nós.

Em outras palavras, você não estaria lendo este post aqui no meu blog, se não fosse ele.

Portanto, por mais que você não utilize hoje os produtos da Apple, saiba que Jobs mudou a sua vida.

Já pensou quantos avanços foram possíveis à ciência, graças à micro informática? Já parou para pensar como era o mundo antes dela?

Ninguém melhor do que ele e a Apple para se apoderar do famoso i de inovation (iMac, iPod, iPhone, iPad, iTunes …)

E este sem dúvida foi o grande diferencial de Steve Jobs, fazer com que nós dessemes estes grandes saltos tecnológicos, liderando estes movimentos. Primeiro fez isso quando criou o micro computador, depois quando criou a navegação em janelas e o mouse, depois fez o mesmo no cinema com Toy Story da Pixar, depois fez o mesmo na música com o iPod, depois revolucionou a indústria da telefonia móvel com o iPhone e por fim deu ao mundo um novo e compacto computador com o iPad. Todas estas criações mudaram a nossa realidade, as nossas vidas e o mundo.

É muito interessante verm como os movimentos de Steve Jobs realmente faziam história, tal qual quando apresentou ao mundo o iPhone numa apresentação impecável num dos grandes momentos que Jobs nos deu:

Eu particularmente tenho que agradecer muito a ele, não só por tudo o que ele fez à humanidade, da qual eu faço parte, mas pelo fato de que meu primeiro computador foi um Apple e se não fosse isso, eu provavelmente não estaria aqui hoje, pois não teria aprendido informática tão jovem e como já disse, nem tão pouco teríamos tido a Internet como ela é hoje.

Graças a este meu primeiro Apple eu ingressei no mundo da informática, me tornei um dos primeiros provedores de acesso à Internet no Brasil, e tenho trabalhado com Informática e Internet desde então. Se não fosse isso, a Curriculum não existira e quantas vidas não foram alteradas através das pessoas que arrumaram empregos através da Curriculum? Nem tão pouco haveria o site do AmigoSecreto que muito embora administra apenas uma brincadeira, também altera a vida das pessoas e, assim como estes meus sites, quanta coisa hoje existe graças a micro informática que Jobs criou.

O que falar agora, neste momento em que perdemos este gênio que alterou tanto a nossa realidade e melhorou tanto o mundo em que vivemos?

Confesso que para mim é muito ruim imaginar o mundo sem a figura de Steve Jobs. Para mim hoje é um momento muito triste e que emociona.

A Apple perdeu seu primeiro homem, o mais importante funcionário, um excelente orador e o um dos melhores homem de marketing que já vimos.

Mas o mundo perdeu hoje um dos maiores gênio da nossa humanidade, um dos maiores e brilhante inventor, que não apenas inventava mas unia tecnologia à arte e criava produtos excepcionais que ralmente mudaram as nossas vidas.

Obrigado Steve Jobs, obrigado por tudo, sem dúvida seu legado será muito difícil de ser esquecido.

Abaixo, outra página que a Apple  neste momento oferece como tributo ao seu grande líder e inspirador  (www.apple.com/stevejobs)

A Apple perdeu um visionário e génio criativo e o mundo perdeu um ser humano incrível.

Aqueles que denre nós tiveram o privilégio de ter conhecido e trablhado com Steve perderam um grande amigo e um mentor inspirador. Steve deixa para trás uma empresa que só ele poderia ter construído, e seu espírito estará sempre nas fundações da Apple.

Se você desejar compartilhar seus pensamentos, lembranças e condolências, envie um email rememberingsteve@apple.com

É realmente impressionante pensar que ele nos deixou e percebo que este sentimento é compartilhado por todos e o mundo todo reverencia e dá adeus à Steve Jobs.

Veja como está a pagina do Google agora:

Mas nada melhor para relembrar um pouco mais sobre quem foi Steve Jobs, conhecer mais detalhes da sua vida, tomar contato sobre as dificuldades que ele venceu para fazer tudo o que fez, e até mesmo sobre o início da sua doença, do que o lindo discurso que ele proferiu aos formandos da Universidade de Stanford, com legendas em Português:

E para mim, uma das frases mais marcantes deste discurso:

“Você não consegue ligar os pontos olhando pra frente; você só consegue ligá-los olhando pra trás. Então você tem que confiar que os pontos se ligarão algum dia no futuro. Você tem que confiar em algo – seu instinto, destino, vida, carma, o que for. Esta abordagem nunca me desapontou, e fez toda diferença na minha vida.”

Termino compartilhando alguns pensamentos e fatos interessantes…

E pensar que ele morreu sem sequer conhecer seus pais biológicos, muito embora a pouco tempo o seu pai biológico tenha aparecido e manifestado o desejo de conhecê-lo pessoalmente.

O pai biológico de Steve Jobs é  Abdul Fatah John Jandali, hoje com 80 anos e é de origem síria. Ele e a mãe natural de Steve, Joanne Schieble, eram estudantes quando Jobs nasceu em 1955 e o deixaram para adoção. Jobs foi criado por Paul e Clara Jobs.

Em agosto deste ano, em entrevista ao jornal The New York Post, o pai de Steve manifestou a vontade de rever o filho, imortalizado como uma das grandes personalidades deste século. Jobs foi dado para adoção depois que Jandali engravidou Joanne Simpson, já que o pai dela vetou o casamento dos dois. Na entrevista concedida pelo pai biológico de Steve Jobs dias depois da renúncia dele ao cargo de CEO da Apple, Jandali disse que tentou entrar em contato com o filho apenas uma vez, por email, no dia do anivesário do executivo, após descobrir que era seu pai.

“Eu tenho esperança de que ele chegue a mim antes que seja tarde demais. Mesmo que seja só para tomar um café, apenas uma vez, me faria um homem feliz” disse Jandali e não escondeu a frustração por não ter participado da “incrível jornada” do filho, que se tornou uma das principais referências do planeta em tecnologia e inovação.

Em setembro agora, no mês passado, John Jandali disse ao “Reno Gazette-Journal” ter se arrependido da entrevista dada ao tabloide inglês. Ele também afirmou que, quando soube que Jobs tinha um câncer no pâncreas, enviou seu histórico médico na esperança de poder ajudar o filho.

Jobs não se pronunciou sobre o pedido público do pai biológico e os dois nunca se conheceram.

Triste…

Fico imaginando também como deve estar John Sculley, aquele executivo que era da Pepsi, contratado pelo próprio Steve e convencido a vir para a Apple com a famosa frase “Você quer passar o resto de sua vida vendendo água com açúcar ou quer ter a chance de mudar o mundo?’ e os outros que demitiram Steve Jobs e levaram a Apple quase à falência. Já imaginou como eles devem estar? Diria que esses caras já tem um “Karma” para cumprir ainda em vida, não é mesmo?

É , Jobs sempre quis mudar o mundo, e conseguiu.

E para concluir, um paralelo interessante: Steve Jobs nasceu no dia  24 de Fevereiro de 1955 e era de Peixes, assim como eu, que nasci no dia 27 de Fevereiro, 10 anos depois. Sinto um certo orgulho disso.

 

Obrigado

Adeus

Descanse em paz

Steve Jobs

Fev/1955 – Out/2011

 

Manifesto contra a corrupção no Brasil

O DIA DA REAÇÃO

Data: 7 de setembro (quarta-feira)
Hora: Durante todo o dia, mas principalmente às 13h
Local: Na sua cidade
Onde: Onde você estiver

O que fazer:

1) Use preto

  • Use preto neste dia para demonstrar sua indignação contra a corrupção do Brasil que você já estará participando.
  • Se tiver carro, coloque uma fita preta na antena ou em algum lugar, ou mesmo uma faixa preta para o lado de fora vidro
  • Na sua casa, coloque uma faixa preta do lado de fora da janela

2) Às 13:00 horas, SE MANIFESTE ATIVAMENTE!

  • Onde estiver grite: FORA A IMPUNIDADE!
  • No restaurante, na janela da sua casa e se estiver de carro buzine

3) Redes Sociais

  • Se você tem Twitter, Twitte durante o dia, mas principalmente às 13:00 horas Twitte: Sou contra a corrupção! #foraaimpunidade este é o #diadareação
  • Se você tem Facebook, poste durante o dia assuntos relacionados a este, mas as 13:00 horas, poste: Sou contra a corrupção! #foraaimpunidade este é o #diadareacao e de LIKE em todos os outros que seus amigos postarem.

Vamos virar notícia, nos jornais, no rádio, na televisão, vamos ser trandingtop no twitter e vamos virar notícia no mundo e mostrar que os brasileiros não estão passivos frente à corrupção que acontece em nosso país.

Vamos mostrar nossa indignação e que estamos acordados e que estamos iniciando a marcha contra a corrupção!

Vamos fazer isso pelo nosso Brasil, vamos fazer isso por nós, vamos fazer isso pelos nossos filhos!

Chega de impunidade para os políticos corruptos!!!

Vamos expressar nossa indignação contra:

  • A imunidade parlamentar!
  • A corrupção!
  • A pouca vergonha pública!
  • A proteção de políticos ladrões (ladrões protegendo ladrões)

Estamos instituindo o primeiro DIA DO LUTO NACIONAL, frente à corrupção, neste dia 7 de Setembro, o DIA DA REAÇÃO!

“Se milhões se juntam numa marcha gay, outros milhões numa marcha evangélica, outras centenas numa marcha a favor da maconha, mas que não nos mobilizarmos contra a corrupção?”

Se eles roubam e não sentem vergonha,
EU TAMBÉM NÃO TENHO VERGONHA NA CARA!

Mas atenção e vamos tomar alguns cuidados muito importantes:

  • Não vamos levantar bandeira por partido político algum, essa luta é só NOSSA, do povo. Este movimento é a-político e não religioso, é apenas uma amostra que nós, o povo não iremos ficar calados.
  • Não permita bagunça, briga ou vandalismo pois não vamos utilizar de nenhuma forma de violência, vamos agir em PAZ!
  • Vamos mostrar respeito à nossa à PÁTRIA e vamos agir com sabedoria, mas com firmeza!
  • E se por ventura que se houver neste dia, algum procedimento que fuja a ESSA nossa solicitação, será por parte dos que estão CONTRA NÓS, CONTRA NOSSA LUTA, CONTRA O POVO QUE PEDE SOCORRO!

E vou publicar isso no meu Twitter, no meu Facebook e vou divulgar este e-mail para TODA a minha lista de amigos!

Repetindo, isto não é SPAM! Estamos apenas utilizando os meios de comunicação em massa para que a maior quantidade de pessoas sejam impactadas sobre este movimento PACÍFICO!

Divulgue: Eu aderi ao dia de Reação Nacional contra a corrupção e estou de luto!

FORÇA BRASIL!