Cuba

Descobri que um amigo meu passou a lua de mel em Cuba e fui conversar com ele.

Segue abaixo alguns pontos da nossa conversa:

– Quer dizer que você foi passar sua lua de mel em Cuba?

– Sim, fui

– E ai, me conta, o que achou?

– Nossa, muito legal!!

– Sério? Mas como assim? Me explica!

– Ah! Parece que você entrou num filme, parece que é tudo uma brincadeira, que estão fazendo uma pegadinha! Você não diz que aquilo existe, que pode ser real.

– Mas como assim?

– Ah, o pessoal lá vive uma vidinha super simples, super reduzida, eles não tem nada, mas como não sabem o que acontece no resto do mundo, acham que é tudo daquele jeito.

Cuba (9)

– Como assim, me explica melhor!?!?

– Então, primeiro que eles olha o turista como se fosse algo do outro mundo. Eles te arregalam uns olhões e te perguntam:  Me conta, como é lá fora? Só que ai você conta e eles não entendem. Eles não tem nem referência.

Cuba (4)

– Mas como assim eles não sabem o que é “lá fora” ? Eles não tem Internet?

– Nãããoooo!!! Imagina! De jeito nenhum! Eles não tem Internet, livros é só da história de Cuba e TV, advinha que estava na TV de lá?

– Sei lá? Quem?

– O Lula! Só passa o Lula, lá. O Lula faz parte de um programa, junto com o Fidel (agora com a família Castro) e passa isso muito na TV.

– Mas e ai conta mais, como são os carros, o comércio?

– Putz, farmácia se escreve ainda com PH e você vai na farmácia é aquele balcãozinho de madeira com meia dúzia de remédio, um pra dor de dente, outro pra dor de barriga, um pra caganeira, outro pra dor de cabeça e outro pro machucado e acabou, é só isso.

Cuba (1)

Os carros são todos antigos, todos muito velhos, tudo caindo aos pedaços. Dentro do carro tem mangueirinha de gasolina, porque quebrou e não tem peça de reposição então eles improvisam e você sai de lá cheirando a gasolina.

E se você dá US$ 1 Dólar pra eles de gorjeta eles quase te beijam o pé. US$ 1,00 é mais do que muitos ganham lá numa semana.

– Mas como assim? Eles vivem com um dólar?

– Sim, eles não tem nada, tem só o básico do básico e nada é deles, tudo é do governo. A casa por exemplo, é uma por família e já foi do avô, do pai e agora é dele e vai ser do filho e moram todos juntos, amontoados. Eles não tem dinheiro.

Imagina que o que existia a 40 anos atrás (sei lá, alguma coisa assim) é o que está lá hoje. O mundo parou lá, parou no tempo. As coisas são as mesmas, exatamente as mesmas de 40 anos atrás. Não teve novidade, não teve progresso, mudança, nada. É tudo igual, são as mesmas casas, do mesmo jeito, os mesmos carros, do mesmo jeito. Então, vai quebrando, eles vão improvisando.

Cuba (16)

Cuba (15)

– Mas e essa história do dinheiro, eles tem dinheiro?

– Então, tem, mas lá não tem nota, é tudo moeda. Eles tem lá meia dúzia de tipos diferente de tamanho de moeda e eles compram tudo com elas, o saco de arroz, o café, o feijão e só. Ah, e carne da câncer!

– Oi? Como assim? O que?

– É, carne da câncer! Porque eles não tem carne lá e ai, o governo difundiu pra população que é pra proteger o povo. E eles acreditam e estão felizes por estarem sendo protegidos pelo governo. E se você diz que come carne, eles ficam abismados! Parece que você é que não tem proteção do seu governo.

– Cara, impressionante. To bobo! Mas então porque eles perguntam como é “lá fora”?

– Então, não é todo mundo. Eles são muito tímidos, recolhidos, quietos. Estes que te perguntam, são os mais curiosos, saidinhos, eles morrem de medo de te perguntar alguma coisa, de falar qualquer coisa sobre lá fora, porque não pode falar sobre isso. Mas alguns são mais corajosos e perguntam.

Mesmo assim, os que te perguntam não gostam de ouvir muito, eles ficam aflitos. Um dos que me perguntou me orientou que se ele batesse no ombro era para eu parar de falar. Mesmo assim, eu falava uns 5 minutos e via que ele ficava todo aflito, incomodado e ai pedia para eu parar e se distanciava. Daqui a pouco ele voltava e queria saber mais. Ai eu perguntei porque tudo aquilo? Ele me disse que eles não podem falar sobre o mundo lá fora, é quase como um crime. Então, ele estava se sentido super mal por cometer este “crime”.

É isso, parece que você entrou num filme, que você está dentro de um estúdio de Hollywood filmando, gravando um filme. Você chega a duvidar que é real. Mas é impressionante, muito legal mesmo pra ir visitar. É um outro mundo.

– Mas você ficou aonde? Como é o hotel?

– Então, fiquei num hotel grande, de uma rede internacional, um super hotel.

– Mas como assim? Como eles veem tudo isso, essa discrepância?

– Há, tem o mundo do turista, que é diferente do deles. São dois mundos distintos que não se conversam integralmente. Se tocam só no que é necessário e acabou. Eles querem tirar o dinheiro dos turistas, mas sem contaminar o povo.

Um dos cubanos, sabendo que eu era turista, me pediu o sabonete do hotel, se eu poderia dar pra ele. Eu disse que sim, mas perguntei porque? Ele me falou que o do hotel tem cheiro, é cheiroso. Os que eles usam não tem cheiro. E ele queria sentir o cheiro do sabonete.

– E como você se locomove lá dentro, de cidades distantes. Carro? Ônibus? Avião?

– Tem tudo, mas fomos de avião que é eu diria que é uma Kombi voadora.. .rsrsrs. O avião deles lá não tem nem pressurização. Você vai junto com as malas, as nuvens entram dentro do avião. É tudo muito precário. É o que eu te falei, pararam no tempo!

Cuba (12)

Cuba (2)

Cuba (3)

– Mas e ai, o que eles o que acham de tudo disso?

– Nossa, eles estão super felizes, eles não se incomodam não. Primeiro que já se acostumaram com esta vida e isso é vida pra eles. Segundo que não sabem o que está acontecendo aqui fora, não tem a menor noção, a menor. Tanto que quando você tenta explicar alguma coisa pra eles, eles não conseguem nem compreender, por não ter referência.

– Então eles gostam de Fidel e da família Castro?

– Gostam? Eles adoram! Eles idolatram! Pra eles Fidel é Deus, Che Guevara é o maior cara do universo. Eles realmente idolatram estes caras.

Cuba (18)

Cuba (6)

Cuba (8)

Cuba (7)

– E lá é bonito?

– Bonito? Bonito é pouco! Lá é lindo! É um paraíso! Olha as fotos!

Cuba (14)

Cuba (13)

Cuba (11)

 

Enfim, esta é a Cuba de Fidel!

Acho que não preciso falar mais nada, não é mesmo?

Cuba (5)

Está ai, dito com todas as letras, o que o Comunismo é capaz de fazer com um dos lugares mais lindos do mundo e com a cabeça das pessoas!

Mas como será que era Cuba, antes de Fidel?

Então, para terminar, te convido a assistir este filme e conhecer o que era Cuba antes de Fidel. A Cuba NÃO COMUNISTA!

Parte I

Parte II

E ai?
O que achou?
Ainda vai votar no PT?
Vai continuar comunista?
Ainda acha que Che Guevara é o cara?
Quer mesmo que o Brasil seja regido por este Comunismo Vermelho de Cuba?
Acha que não corremos este risco?

Então, não se esqueça de prestar bem atenção de como era Cuba e como ela está hoje!

Boa sorte para todos nós!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − 2 =