Dunga: Coerente ou Míope?

Todos nós já sabemos da escalação da seleção brasileira para a copa de 2010 e sabemos também que alguns craques do momento como Ronaldinho, Neymar e principalmente o Paulo Henrique Ganso não estão no time.

Temos acompanhado também as declarações do Dunga, dizendo que o motivo da não escalação destes craques é a coerência que ele tem que ter com o grupo e com tudo o que ele já falou para estes jogadores.

Ouvi o Dunga dizer também que os outros jogadores construíram o seu direito de estar na copa, tijolinho por tijolinho, jogando um bom futebol e tendo uma boa conduta dentro e fora dos gramados.

E é como se o Dunga não pudesse agora desmontar o sonho destes jogadores, sonho este que ele mesmo permitiu que cada um deles desenvolvesse.

Será que ele está certo?

Bem, antes de dar minha opinião sobre este episódio e sobre o Dunga, quero dizer que eu gosto muito dele, de verdade, desde a época em que ele era jogador de futebol, assim como agora, como técnico.

Eu não faço parte daquela turma que ridiculariza o Dunga e ao contrário, eu não tenho dúvidas de que a força dele está pautada em sua coerência, na sua integridade, na sua palavra, e nos seus valores e princípios.

É muito bonito ver pessoas assim, e sabemos como é raro encontrarmos pessoas que pautam sua vida no caráter. Só isso já fez dele uma grande pessoal, além de ter sido um grande jogador e agora está fazendo dele agora um grande técnico. E sinto-me feliz em ter uma pessoa de tanto valor na liderança da seleção brasileira.

No entanto, bom caráter não ganha jogo, nem coerência ou integridade. Muitos podem estar achando até estranho EU dizer uma coisa destas, eu sei. Mas notem que eu não estou dizendo que isto não é importante, não, muito pelo contrário, isto é muito, muito, muito importante. O que estou dizendo é que SÓ ISSO não é suficiente. Isto é essencial, mas precisamos também de mais além disso.

E não tenho como deixar de dizer que, do meu ponto de vista, ele está sendo míope.

Porque ser correto, direito, ter boa conduta não é mérito, é obrigação. Eu sei que infelizmente, nos dias de hoje, estamos com tanta carência destes valores que isso passou até a ser mérito, mas não é, é obrigação!

O Dunga errou ao criar as premissas iniciais e ter construído seu comprometimento inicial com seus jogadores, pautado APENAS nestes valores. Estes valores são premissas e não deveriam dar direito a ninguém de ir a copa simplesmente porque foram bons meninos.

Fazer parte do grupo daria sim  mais chances a estes, lógico, mas não a garantia.

Lógico que ele tem que ser coerente com o que se comprometeu, tem que ser correto e íntegro com sua palavra e cumprir o combinado.

Mas ele tem que ser humilde e coerente também em perceber que o que foi combinado inicialmente estava errado.

Quero dizer também que eu sou totalmente contra se voltar atrás com o que foi combinado e não é por ai que ele poderia tentar resolver o problema e nem sei se agora ainda da tempo para fazer alguma coisa. Mas muitas vezes dá, sem necessariamente voltar atrás com o que foi combinado, apenas percebendo outros pontos de vistas TAMBÉM VÁLIDOS.

Do meu ponto de vista, o combinado proposto inicial deveria ter sido algo mais ou menos assim:

Meus queridos jogadores, vou levar para a copa:

1)      Primeiramente quem desejar muito jogar com a camisa da seleção brasileira e representar nosso país;

2)      Em segundo lugar, quem tiver bom comportamento, dentro e fora dos gramados;

3)      Em terceiro lugar, quem tiver espírito de equipe e jogar para a equipe, e não para si próprio;

4)      E em quarto lugar quem, que além de cumprir todos os requisitos acima, estiver sendo o melhor jogador na sua posição, na época da copa.

Se ele tivesse criado um combinado inicial nestes moldes, sem dúvida a coisa seria muito mais fácil e diferente agora, pois, ele poderia trazer agora o Ganso, o Neymar e o Ronaldinho, desde que estes estivessem cumprindo as três primeiras regras (e a meu ver estão), pois ALÉM destas três primeiras regras iniciais, eles são os melhores jogadores nas suas posições!

Lógico que quem esteve no grupo desde o início teria mais chances mas não a GARANTIA de que estaria na lista dos convocados!

Um acordo destes daria ao Dunga a liberdade de mudar a lista a qualquer momento e levar quem ele quisesse, sem deixar a impressão de que não cumpriu com o combinado e que não foi coerente com o que disse anteriormente.

Quero dizer também que não estou dizendo que qualquer bom jogador oderia ser levados a qualquer custo, NÃO É ISSO!

Note bem os três pontos iniciais e perceba que eu disse que eles seriam levados apenas e tão somente se desejassem muito, se estivessem tendo bom comportamento e se estivessem jogando para a equipe e não para si. E pelo que eu percebo, tanto o Ganso como o Neymar e o Ronaldinho estão 100% dentro deste perfil de comportamento.

Estes critérios deixariam de fora, por exemplo, um Romário da vida, e o Felipão fez muito bem em deixá-lo para trás em 92, pelo fato dele não estar dentro destes critérios iniciais. Ou seja, não bastaria jogar bem para estar na lista, não é isso.

Mas não levar o Ganso, o Neymar e o Ronaldinho, faça-me o favor! O Ganso vai fazer muiiiiita falta, e o Neymar e o Ronaldinho também. O Dunga está simplesmente deixando de levar os melhores jogadores do Brasil do momento!

E ao meu ver, isto faz com que o Dunga não esteja sendo íntegro e coerente com a nação brasileira, com todos os mais de 190 milhões de pessoas que estarão torcendo e sofrendo com esta decisão míope do nosso técnico.

O Dunga pode até estar com a sua consciência tranquila, mesmo com todo o bombardeio de todos nós e da mídia, protegido pelas suas premissas internas, mas ao meu ver, ele esta assim pelo simples fato de não enxergar que não está sendo coerente com todos nós brasileiros e sendo muito míope.

Bom comportamento APENAS não ganha jogo, Dunga!

Bom comportamento APENAS não faz gol.

Bom comportamento é fundamental, LÓGICO, mas precisamos aliar o bom comportamento ao talento, à criatividade, a técnica e não adianta querer se iludir que coerência e integridade APENAS façam gols e tragam o caneco para nós.

Dunga, com todo o respeito e carinho que eu tenho por você, do meu ponto de vista:

1) Você errou ao iludir os seus jogadores dizendo a eles que garantiriam suas posições desde que jogassem direitinho e fossem bons meninos;

2) Você errou em não criar um combinado inicial que levasse mais pontos em consideração e;

2) E você não está sendo coerente com vários outros pontos e principalmente com a nação brasileira, com a representatividade que lhe foi concedida, pois o conjunto a ser analisado é muito maior do que a pequena lista de 23 jogadores.

Portanto, por favor, não fale mais sobre coerência, pois você pode até estar sendo coerente com alguns poucos pontos, mas não está sendo coerente com muitos outros, muito maiores e mais significativos.

Dunga, você se esqueceu e está desconsiderando  (o que não é nada coerente) que surpresas acontecem, e os meninos da Vila Belmiro, por exemplo, fazem parte de um destes raros momentos em que nós, brasileiros, somos abençoados com grandes talentos (nestas horas eu até penso que Deus é brasileiro).

E em eles estando cumprindo as premissas iniciais, mereciam ser convocados e isto é ser coerente!

Não é coerente, Dunga, deixar talentos como estes para trás, simplesmente porque eles não faziam parte no grupo até agora. Quem sabe se você admitisse que errou em não colocá-los antes no grupo, não seria uma saída?

Antes de terminar, quero deixar claro que minha opinião não irá mudar mesmo que você ganhe esta copa.

Por fim, sem dúvida que temos um time unido e bem liderado, agora só nos resta torcer que a “quantidade de futebol” que o Dunga esteja levando para a África do Sul seja suficiente para vencermos nossos adversários.

Boa sorte a todos nós.

😐

2 pensou em “Dunga: Coerente ou Míope?

  1. Luís Fernando Bicudo

    Não acompanho nada de futebol, mas gostei do post. E se você estiver reproduzindo fielmente o que está acontecendo com o modelo que o Dunga impôs, então eu acrescentaria uma coisa.

    O Dunga não está sendo coerente coisa nenhuma. Se ele cobra que cada jogador deve jogar para o time, e não para si mesmo, então por que é que o Dunga insiste em ser coerente para si mesmo, e não para o país? Bem, ok, ele também está sendo coerente para o time, é verdade. Mas da mesma forma que acho que seria muito melhor que o time também não jogasse para si mesmo, mas para o Brasil.

    Futebol é uma das principais alegrias do povo neste país. Então deixa o povo participar um pouco e dar sua opinião, e ter sua opinião ouvida.

    Quais copas o Brasil ganhou APENAS com a coerência do Dunga? Aí eu já não sei responder. Se houver alguma, furei, me desculpem. Por outro lado, é verdade que já perdemos com um dream team… Zico, Sócrates, Júnior, etc. Mas chegamos perto. A derrota não foi nada além de um acidente, um pênalti perdido. Mas o time foi bem escolhido, chegou lá e até hoje é lembrado inclusive por quem não se liga muito em futebol, como eu.

  2. Drics

    Eu idem ao Fernandinho, também não acompanho futebol, mas gostei muito do seu post e concordo com o seu ponto de vista em relação a coerência do Dunga.
    O Brasil pode até ganhar esta Copa sem os meninos da vila(ao menos podemos contar com o grande Robinho), mas creio que vai faltar um brilho especial nas jogadas, aquelas que fazem o Brasil tremer de emoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × quatro =